(21) 2267-6631 - (21) 2235-4900 contato@riopelle.com.br

As estrias surgem quando a pele sofre estiramento intenso e suas fibras elásticas se rompem. Isso ocorre na fase de crescimento e em pessoas que ganham muito peso. Alterações hormonais na adolescência e na gravidez também podem causar o tormento.

Não há cura para as estrias porque as fibras elásticas não se regeneram. A alternativa é melhorar a aparência da área atingida estimulando a produção de colágeno, a fibra que dá sustentação à pele.

Estrias geralmente aparecem nas coxas, no bumbum e nos seios. Se as estrias são vermelhas, é sinal de que ainda estão se formando; logo, as chances de sucesso no tratamento são maiores.

Não há contra-indicações para o tratamento, mas, convém-se alertar que as estrias brancas indicam que não há mais produção de melanina e que as fibras elásticas estão prejudicadas.

Embora não exista uma cura definitiva para as estrias, é possível melhorar, consideravelmente, sua aparência com tratamentos adequados.

 

Tratamentos da estria:

  • Ácido Retinóico: sob a forma de creme, o ácido provoca descamação na pele e favorece a produção de colágeno.
  • Microdermoabrasão: um aparelho emite jatos de cristais sobre as estrias e provoca esfoliação profunda. Isso também favorece a produção de colágeno, mas proporciona, principalmente, uma melhor absorção do ácido retinóico e de outras substâncias pela pele, porque ela fica mais fina. Em geral, são necessárias dez sessões, associadas ao uso de cremes formulados com ácido.
  • Mesoterapia: injetam-se em vários pontos da estria medicamentos com vitamina C e outras substâncias, que vão estimular o colágeno. Dessa forma, a produção de fibras de colágeno também é favorecida. Após dez sessões, os resultados aparecem.
  • Peeling; feito à base de vários tipos de ácidos, só que aplicados em maior concentração e em várias sessões no próprio consultório.
  • eMatrix Laser: é um laser subablativo fracionado que penetra na pele de forma mais eficaz, estimulando a produção de colágeno e gerando um processo de coagulação que ajuda na regeneração do tecido interno (de dentro para fora). Temos obtido bons resultados com o tratamento do eMatrix Laser para as estrias. Geralmente, ocorre melhora de 50 a 70% na maioria dos casos. O laser retira a primeira camada da pele. É como se fosse um “retocar” de uma fotografia. Algumas pessoas notam melhora após a primeira sessão, outras vão notar diferença entre quatro e seis semanas, mas a melhora continua até seis meses.

Siga-nos no Facebook!

Tratamentos Relacionados

Pin It on Pinterest

Share This